» » Como salvar a Feijoada

Como salvar a Feijoada

A feijoada é um prato genuinamente brasileiro. Dependendo de região, pode ser preparada com o feijão preto ou com o feijão mulatinho.

É uma receita relativamente complexa, que leva carnes salgadas, carnes frescas e temperos variados, perfeita para almoço em família e eventos.

A maior preocupação, na hora de preparar uma feijoada, é  em relação ao sal e a gordura.  Afinal, quando se erra no sal, a comida perde toda a graça e gordura demais, ninguém merece.

Se acontecer algum acidente e você escorregar, errando o ponto do sal, exagerando na gordura ou até mesmo deixar pegar no fundo, aqui estão algumas dicas que irão te ajudar a salvar sua feijoada do domingo:

Aprenda a salvar sua feijoada

Aprenda a salvar sua feijoada

1 – Caso fique salgada, você pode retirar o excesso do sal da feijoada, adicionando uma pitada de açúcar. Ou ainda, colocando algumas batatas inteiras para cozinhar  por alguns minutos, junto com a feijoada (isso só deve ser feito, caso o feijão e as carnes estejam no ponto, para não esbagaçar). A batata irá reter o sal.

2 – Para engrossar o caldo da feijoada, acrescente um pouco de maisena dissolvida em um cope de água morna. Ou então, bata em um liquidificador, algumas batatas cozidas e um pouco de caldo da feijoada. Misture e deixe ferver por uns minutos.

3 – Deixe sua feijoada mais levinha, acrescentando um copo de suco de laranja integral, quando ela já estiver pronta,

4 – Para tirar o excesso de gordura, acrescente, durante a fervura, um limão-galego, inteiro e com casca, cortado em cruz. Antes de servir a feijoada, tire o limão. Ou, você pode colocar folhas de alface ou couve folhas por cima da feijoada e deixar ferver por alguns minutos. As folhas absorverão a gordura em excesso.

5 – Para uma feijoada rápida, que você não precise deixar as carnes salgadas de molho, use metade das carnes frescas. Elas absorverão o sal, dando o ponto certo ao tempero.

6 – Para garantir que as carnes não salguem a feijoada, deixe-as de molho em água fria de véspera e vá trocando a água de vez em quando.

7 –  Se a feijoada pegar no fundo, garanta que o cheiro e o gosto de queimado não fiquem na comida, transferindo o feijão de panela e acrescentando uma cebola inteira e com casca. Sem seguida, leve ao fogo e deixe ferver por alguns minutos. O cheiro e gosto de queimado sairão.

8 – Deixe para acrescentar sal ao tempero da feijoada no final do cozimento. Caso faça no início, corre o risco de salgar, pois as carnes apuram o sabor durante o cozimento.

9 – Para acelerar o cozimento, deixe o feijão que usará na feijoada de molho de véspera. Isso também irá ajudar a quem comer não ter gases.

Atualizado em: 20/08/2018 na categoria: Dicas rápidas